• Instituto Periférico

Campanha Salve a Graxa BH já arrecadou 12,3 t. de alimentos e produtos

A campanha SALVE A GRAXA BH – SEM GRAXA, NÃO TEM BRILHO tem levado mais do que cestas básicas aos montadores, técnicos de áudio, vídeo e iluminação, carregadores e roadies dos eventos.

Apoiada pelo Instituto Periférico, dentre outras instituições da indústria criativa de Minas Gerais, a campanha é inspirada em iniciativas similares em outras regiões do país. É sabido que os setores cultural, de eventos e de entretenimento foram duramente afetados pela pandemia do novo coronavírus, a partir da suspensão ou cancelamento das suas atividades. O tamanho do segmento pode ser dimensionado pelo PIB gerado ao Brasil, 12,93% e as estatísticas revelam que uma em cada quatro pessoas trabalham direta ou indiretamente no setor, cerca de 25 milhões de empregos gerados em todo o Brasil. A equipe técnica, conhecida como “a graxa”, é uma das mais impactadas pois teve sua fonte de renda diária cancelada. Por meio da SALVE A GRAXA, essas pessoas têm recebido, junto com alimentos e produtos de limpeza e higiene pessoal, um acolhimento importante em um cenário de muitas incertezas. Desde o final de março, a iniciativa já arrecadou 12,3 toneladas de alimentos e produtos e conseguiu levar cestas básicas para 1.300 famílias. Isso porque nada menos que 885 pessoas aderiram à campanha, que já soma R$ 133.438,10 recebidos como doação. A intenção é manter a campanha viva até a retomada completa do setor, ainda sem data definida. Por isso, toda doação conta. Toda ajuda é bem-vinda. Doe. Compartilhe.

Acesse o site www.salveagraxabh.com.br para outras informações. Instagram: @salveagraxabh

39 visualizações